A hora do recreio é essencial para o aprendizado escolar

Estudos científicos apontam que o recreio melhora o desempenho dos alunos na escola. Esta pausa associada a boa alimentação contribuem em muito para o aprendizado e a saúde das crianças.

Diversas pesquisas mostram que o tempo livre ajuda a solucionar problemas comportamentais de dentro da sala de aula e que as crianças que participam regularmente dos horários livres tem melhores notas do que as outras que não têm tempo.

Já pensou em quanto tempo uma criança tem para ser livre, se movimentar, liberar a energia, se divertir e fazer o lanche durante o recreio da escola? Em média, apenas 20 minutos!!

Como uma criança pode oxigenar o cérebro, se movimentar, ir ao banheiro e se alimentar em apenas vinte minutos? Se essa criança não tiver levado nenhum alimento de casa, provavelmente irá perder os míseros minutos do recreio na fila da cantina para comprar um salgado e um refrigerante.

Lembre-se do ditado: “você é o que você come”. Então, se sua(seu) filha(o) se alimenta de junk food, ou seja, produtos alimentícios que vêm em embalagens e facilmente disponíveis e não tem tempo para se movimentar durante o tempo que deveria ser livre, como o seu cérebro irá funcionar? As chances de que essa criança venha a ter um desempenho ruim são enormes!

Para que a criança possa se concentrar, prestar atenção e assimilar o que é ensinado, precisa ingerir alimentos que vão servir de combustível para o cérebro e o corpo. Como fazer isso?

Sua(seu) filha(o) deve iniciar o dia ingerindo um café da manhã rico em nutrientes. Evidências sugerem que o café da manhã realmente ajuda no aprendizado. Inclua frutas, aveia, sementes, castanhas, ovo e até alguns vegetais como pepino, tomate, batata doce, inhame. Não deixe o seu julgamento interferir na alimentação da sua(seu) filha(o).

E para o lanche? Melhor evitar alimentos ricos em gordura trans e açúcar, pois opções ricas nesses dois ingredientes são considerados calorias vazias, ou seja, não contêm os nutrientes necessários para a criança.

Sugestões: frutas, cenoura, tomate e pepino cortadinhos e acompanhados de patês caseiros, como os de folha de cenoura, húmus ou beterraba. Os patês caseiros são boas alternativas para evitar a manteiga, o requeijão ou os frios. Se fizer um sanduíche, olhe os ingredientes do pão que irá usar e inclua algumas folhas verdes no recheio. Faça bolinhos em casa com ingredientes como farinha de coco, de aveia, de grão de bico; com linhaça, chia; use nibs de cacau se preferir o muffin doce ou temperos verdes se quiser um bolinho mais salgado. Existem barrinhas de cereal super práticas, saborosas e fáceis de fazer, do tipo coloca os ingredientes no liquidificador e pronto.

Se você realmente não tem tempo ou se quiser variar, procure opções de alimentos saudáveis e gostosos como os da Merendeira. O pão de queijo feito de batata doce orgânica, queijo e chia é de comer rezando. Tem o muffin integral de aveia, queijo, ovo caipira e ervas frescas e recheios de palmito ou legumes orgânicos.

E para beber? A melhor opção é a água! Quer dar algum suco? As melhores opções são o suco de limão e de maracujá. Suco de caixinha não é saudável. Eventualmente não tem problema, mas todos os dias, não.

A autora deste texto é Camila Lobato, nutricionista holística, certificada pela Canadian School of Natural Nutrition – Canadá. Brasileira, atualmente mora na Alemanha. Atende clientes de diversos lugares do mundo, realizando consultas em português e inglês; pessoalmente ou via Skype/Whatsapp, além de continuar escrevendo para o blog www.sersimples.org. Instagram: @camilanutricao e website: www.camilalobato.com

Convidados Merendeira

Author Convidados Merendeira

More posts by Convidados Merendeira

Leave a Reply